O fim da desordem urbana

Prefeitura do Rio colocando o projeto nas ruas.

A desordem urbana é o grande culpado da sensação de insegurança pública. Alguns fatores contribuintes para o crescimento da desordem e da informalidade entre a população é o crescimento do comercio irregular no espaço público, desrespeito às normas de transito e aos limites de estacionamentos, surgimentos de transportes coletivos irregulares, etc.

Com o objetivo de atacar ao mesmo tempo situações que incomodam o dia-a-dia do carioca e acabar de vez com essa tal desordem, foi criada a operação choque de ordem que são operações criadas pela secretaria de ordem pública (SEOP).

Choque de ordem e ações de ordenamento:

A cidade do Rio de janeiro vem sofrendo com a desordenada ocupação dos espaços públicos. Exatamente por isso esse programa consiste na monitoração e fiscalização da ordem pública e do controle urbano, e tem como objetivo promover a cultura de civilidade e combater a ilegalidade.

Choque de ordem câmeras de vigilância:

A população da cidade do Rio vem sofrendo com a baixa sensação de segurança e como o uso de câmeras vem se mostrando um bom instrumento de monitoramento e da inibição da violência em outras cidades, o Rio também contará com essa “ajuda”. Esse projeto contará com criação de centros de controle e implantação de 400 câmeras.

Choque de ordem modernização da guarda municipal:

A proliferação da desordem urbana e ilegalidade vêm crescendo muito no Rio de janeiro nos últimos anos; E com elas surgem pequenos delitos e porque não maior criminalidade. Esse projeto consiste na ampliação da atuação da guarda municipal. Hoje existe cerca de 1.700 guardas operando diariamente; esse número aumentará para 3.000.

M.S, de 32 anos, guarda municipal atuante há cinco anos conversou com a equipe “o bom do Rio” e disse: “Infelizmente, se não cuidarmos da nossa cidade maravilhosa, as coisas podem ficar muito ruins. O Rio hoje pode ser considerado a cidade de ninguém. Ninguém respeita nada nem nenhuma norma. Por isso o projeto choque de ordem está aí. E sinceramente, espero que dê certo, não porque estou trabalhando, mas também porque sempre torço pelo melhor na minha cidade.”

Prefeitura "colocando" ordem no centro da cidade.

Por Lyz Azevedo

Anúncios

Sobre Pedro Guimarães

Me chamo Pedro Guimarães, 20 anos, sou estudante de jornalismo da Universidade Estácio de Sá.

Publicado em 22/11/2011, em Infraestrutura. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: